Que jogo amigos!

img_2058
Jummy Graham faz grande partida e juntamento com Russell Wilson lidera os Seahawks para mais uma vitória.

Aos que foram dormir cedo na madrugada de segunda para terça, nossos pêsames por terem perdido um dos melhores jogos da temporada. Seahawks e Bills fizeram um verdadeiro tiroteio no Century Link field e no final, literalmente, ganhamos por 31 a 25.

Quarterback:

Russell Wilson saudável é um monstro! O Quaterback dos Seahawks completou 20 de 24 tentativas de passe para 282 jardas e 2 TDs lançados e 1 corrido, com um QBRating impressionante de 143.4 no geral e 145.8 contra a pressão. Wilson é hoje claramente um dos melhores jogadores da posição da NFL, mas precisa do pocket limpo e ser melhor protegido.

Running Backs:

Grande problema de Seattle essa temporada, quem diria, são os RBs. Michaels, apesar do touchdown, teve apenas 7 jardas em 7 carregadas. Prosise foi um pouco mais efetivo, mas teve um quantidade maior de snaps, Collins pouco agregou nos 2 snaps que jogou.

Se você perguntasse a 2 anos atrás, ou a 10 anos atrás, qual era o problema do ataque de Seattle, eu te falaria qualquer um, menos o jogo terrestre. Michaels carece de talento, Prosise é rookie e bem mais eficaz em jogadas de passe e corridas curtas, Collins ainda não mostrou o que veio fazer em Seattle.

Nossa esperança está depositada nas pernas de Thomas Rawls que deve voltar na semana 11.

Wide Receivers/Tight Ends:

Jogo muito bom do corpo de recebedores no geral. Graham fez outra partida sensacional, anotando 2 TDs com apenas 1 mão. Foram 103 jardas em 8 recepções, um aproveitamento de 100% dos targets, juntamente com Baldwin. Por sinal, o WR do Seahawks (Baldwin) teve 6 recepções para 86 jardas e só não marcou um touchdown por que o adversário cometeu PI.

Kearse foi bem, mas não podia ter dropado aquela bola na beira da endzone, que é aceitável se averiguarmos o fato de que foi um PI não marcado. Lockett também foi muito bem e mostra que saudável é um jogador que tem muito a agregar.

Linha Ofensiva:

Jogaram razoavelmente bem. Seguraram alguns momentos importantes, deram tempo de pocket para o Wilson em alguns momentos, mas não conseguem render muito. 3 Sacks, inúmeras pressões, hits, hurrys e etc. Precisa melhorar no aspecto do jogo corrido, abrindo espaço, pois precisaremos disso no próximo jogo.

Linha Defensiva:

Jogo extremamente atípico. O grande problema do Seattle no jogo foi a quantidade exagerada de erros de tackle, que comprometeram várias vezes nosso tempo de posse de bola. O Bills completou 11 de 14 conversões de terceiras decidas, isso não pode acontecer contra o Patriots.

Claramente essa linha sente falta do Bennett, que deve voltar apenas após a semana 12-13.

A linha apareceu no momento certo e segurou o drive final do Bills que nos deu a vitória. Avrill e Clark juntos tem 15.5 sacks. Bela dupla.

Linebackers:

Wagner e KJ estão em uma temporada sensacional!! Mais um jogo monstruoso dos 2, mas infelizmente sentimos falta de um SAM LB.

Secundária:

O calcanhar de aquiles desse grupo é claramente Jeremy Lane. Lane parece aqueles jogadores que renovam o contrato e colocam o “chinelinho”. Sumiu, desapareceu seu football. Erra tackles e várias jogadas, quando é alvejado não consegue marcar os recebedores… definitivamente Seattle precisa pensar o que fazer no próximo draft. Com Ramczyk e Sid Jones on board, eu dificilmente escolheria o OT, não da para o Sherman jogar sozinho de corner.

Shead também teve uma partida horrível, porém tem um pouco mais de crédito do que Lane, já que fez boas partidas durante quase toda a temporada.

McCray também teve um jogo bem fraco, mas jogar 45 minutos contra o Cards, 35 contra o Saints e mais 20+ contra o Bills deve cansar um pouco, e vale lembrar que ele é reserva, mas vem de boas partidas, precisa melhorar para a próxima, pois precisaremos muito, embora Carroll tenha dito que o Chancellor deve voltar.

Sherman e Earl Thomas são os pilares da secundária com o Chancellor fora, mas precisam de uma composição melhor e minha sugestão por Jones parece cada vez mais certa.

Special Teams:

Kicker: Hauschka acertou tudo o que devia, foi muito bem e é preciso parabenizar quando acerta.

Punter: Ryan teve um Punt bloqueado logo no inicio do jogo, no qual ele teve 0 de culpa, pois os bloqueios foram inexistentes. Teve um punt de 62 jardas que tirou Seattle do buraco.

STs geral: Thorpe continua, como temos mencionado frequentemente, fazendo jogadas de impacto. Sempre chega nos retornadores, impossibilitando retornos maiores ou mesmo tackleando muito bem para perda de jardas.

Precisa melhorar a proteção ao punter, a alguns jogos que não estamos muito bem nesse quesito e ontem 1 foi bloqueado e por pouco não tivemos um segundo.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: