Seahawks at 49ers – Pré Jogo

Semana 15 chegando e temporada acabando, como passa rapido!

Em cenários completamente opostos, Seahawks e 49ers se enfrentam novamente num intervalo de 2 semanas, só que desta vez a equipe do belíssimo estado de Washington, viaja até a ensolarada Califórnia pra encarar a equipe que vem de uma bela vitória pra cima dos até então embalados Broncos de Denver.

Ao contrario do que podem pensar, meus amigos, não será um duelo fácil, muito pelo contrario, San Francisco tem armas suficientes pra tornar esse jogo de amanhã uma bela de uma batalha, jogo terrestre que produz, um frontseven interessante, jogo aéreo eficiente e um QB que se não é das maiores maravilhas da liga, ta longe de ser ruim.

Em apenas 5 jogos na carreira, o calouro Nick Mullens possui números no mínimo, interessantes, são 1479 jardas com 63% dos passes completados, 9TDs e 6INTs o que o leva a um rating de 82.0 com um record de 2v/3d, vejam, não são números ruins, nem um pouco, garanto que há titulares ai que não tem a segurança que o calouro tem demonstrado nesse curto espaço amostral, ok, Kyle Shanahan é um ás ofensivo e isso nós sabemos, mas o garoto tem talento e amanhã ele colocará mais uma vez a prova contra a nossa defesa.

Ambas as equipes vem de vitorias maiúsculas, Seattle pulverizando o forte ataque de Minnesota e os 49ers contendo o ímpeto dos Broncos, em uma das maiores surpresas da semana. Duelo interessantíssimo entre duas equipes rivais que nunca vendem barato uma derrota.

Obviamente, Seattle aparece como grande favorito, dependendo apenas dessa vitória pra se garantir nos playoffs, Russell Wilson e companhia não irão querer desperdiçar a oportunidade. A equipe vem embalada, como gostam de dizer por lá, os Seahawks estão onfire, depois de um inicio cambaleante e incerto com um record morno de 4-5, já são 4 vitorias consecutivas pra equipe de Pete Carroll, dentre elas vitorias grandes como as contra os Packers, Panthers na Carolina do Norte e ante os Vikings no ultimo domingo, deixando a franquia como uma das mais quentes da NFL. Com o melhor ataque terrestre dentre todas as franquias da liga, Seattle se torna um dos times mais difíceis de se parar nesse momento, com um Wilson mais seguro este ano e cuidando melhor da bola, uma linha ofensiva saindo da água pro vinho, e um frontseven animalesco, será duro pros comandados de Kyle Shanahan impedirem que a vaga à pós temporada seja carimbada dentro de seus domínios.

Mas como disse ai em cima, eles tem as armas, nos últimos 2 jogos, Mullens lançou pra quase 800 jardas e 4 TDs, é um ataque aéreo que funciona, e tem em seu principal nome uma futura estrela da liga, George Kittle não tem deixado duvidas de que pode se tornar um dos grandes TEs na NFL nos próximos anos (isso se ele já não o é), vindo de um jogo absolutamente assustador com 7 recepções pra 210 jardas o que contabiliza a incrível marca de 30 jardas por recepção, nossa! Kittle perde com 1.103 jardas na temporada, apenas pro espetacular Travis Kelce com 1.220,  que anda fazendo chover ao lado da sensação e futuro MVP Patrick Mahomes, mas com a grande diferença no numero de recepções, Kittle conta com 69 enquanto Kelce tem 93. Então aqui temos talvez o maior dos problemas de Seattle para a partida (e que por muitos anos foi nosso calcanhar de aquiles na lendária defesa dos últimos anos), limitar Kittle será o matchup que marcará a nossa defesa, além obviamente da inventividade do play call de Shanahan, que é por si só bastante desafiador pra qualquer coordenador defensivo na liga, nomes como os calouros, RB Jeffrey Wilson e o WR Dante Pettis, são armas importantes nesse ataque e que costumam sempre tocar na bola bastantes vezes no jogo e produzindo muito.

Defensivamente, o talento está lá, DeForest Buckner é um DE extremamente agressivo e tem o talento pra alinhar tanto no edge quanto no interior da linha, Solomon Thomas também é uma ameaça, Fred Warner vem atuando muito bem nos tackles contendo o jogo corrido, então é um front seven capaz, que limitou o ataque dos Broncos a 0 no primeiro tempo do jogo do domingo passado e apenas 14 no fim da partida, além é claro da historia particular protagonizada por Richard Sherman contra sua antiga equipe, desta vez com um tempero a mais colocado pelo nosso DE Frank Clark, que durante a semana deu declarações a respeito do trash talk de Sherman, dentre outras coisas dizendo que “ele não importa mais e que agora essa é a minha defesa”. Nada melhor do que uma batalha nos microfones pra esquentar o clima de um duelo entre rivais.

Do lado de Seattle, após o melhor jogo do ano da nossa unidade defensiva, temos o direito de pensar que eles vão repetir a dose em San Francisco, uma secundaria dominante, um pass rush extremamente agressivo, liderados pelo já citado Clark com 12sacks na temporada e o excelente Jarran Reed que vem se firmando como um dos melhores defensive tackles no jogo. Não podemos, claro, deixar de citar Bobby Wagner, que simplesmente vem pegando fogo neste ano, o melhor MLB da NFL parece não querer deixar pedra sobre pedra semana após semana, pra garantir a franquia novamente na pós temporada, ele vai com todas as suas armas pro Levi’s Stadium.

Dito isso, repito, Seattle é bastante favorito pra trazer a vitória, mas como toda a previsãp, ela só vale até o inicio da batalha, a partir dai, cada jogo é um jogo.

É isso ai 12’s, que a sorte esteja do nosso lado e possamos amanhã estar comemorando nossa volta aos grandiosos jogos de janeiro, até a próxima, GO HAWKS!

 

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: