Estamos nos playoffs – Pós-jogo Semana 16

O Seattle Seahawks adiantou o presente de natal e derrotou o Kansas City Chiefs no último SNF (23) por 38 a 31 e garantiu uma vaga na pós-temporada. Em grande atuação da equipe, o time chegou a sua 9ª vitória na temporada e estará nos playoffs pela sexta vez em sete anos.

O time comandado por Pete Carroll, que teve seu contrato renovado até 2021 nesta segunda-feira (24), se recuperou da péssima derrota contra o San Francisco 49ers na semana 15, e conseguiu derrotar a seed 1 da Conferência Americana.

Se no último jogo de primetime dos Seahawks, a defesa teve uma performance espetacular contra o Minnesota Vikings no MNF da semana 14, desta vez foi o ataque que conseguiu equiparar a eletricidade dos Chiefs para anotar quase 40 pontos e garantir a vitória.

O bom desempenho ofensivo veio tanto pelo ar quanto por terra. Seattle começou a partida favorecendo corridas e aproveitando a fragilidade da defesa de Kansas City no quesito. A tônica se manteve durante os três primeiros quartos e ajudou a equipe a ultrapassar 200 jardas corridas. o RB Chris Carson fez mais uma grande partida ganhando 116 jardas em 27 carregadas (4,3 por tentativa) e 2 touchdows. A escolha de 7ª rodada do Draft de 2017 também se tornou o primeiro RB em Seattle a ultrapassar a marca de 1000 jardas na temporada após Marshawn Lynch em 2014.

Já no fim da partida, como de costume, foi a hora de Russell Wilson brilhar e vencer a partida. No último minuto do 3º quarto, o QB conectou um belo back shoulder pass para o WR Doug Baldwin na endzone e desempatou a partida. O recebedor foi também um dos pontos altos do ataque junto a Wilson e Carson e terminou a partida com sete recepções para 126 jardas e o TD.

No último período, as chamadas continuaram agressivas e o camisa 3 conduziu mais duas drives para touchdowns, a segunda sendo uma das mais impressionantes da sua carreira. Após manter a vantagem no placar com TD recebido pelo TE Ed Dickson, seu 3º na temporada, Wilson recebeu a bola com quatro minutos para o final do jogo e fez chover. Primeiro com passe perfeito de 44 jardas para o WR Tyler Lockett, que terminou a partida com 4 recepções para 99 jardas, e logo após em mais um belo passe para Baldwin, recebido de forma sensacional pelo WR na linha de 1 jarda. Após as duas big plays, Russell deu a bola nas mãos de Carson para o RB anotar seu seu segundo TD no jogo e garantir a vitória.

 

Com mais uma atuação de gala do nosso QB em jogos grandes, Wilson se igualou a Dave Krieg com mais touchdowns passados na história da franquia e também se tornou o único QB na história da NFL a ter um recorde positivo em suas primeiras sete temporadas na liga. O camisa 3 acabou a partida com 271 jardas passadas, 57 corridas, 3 TD’s, rating de 127.2. Ao todo na temporada, Wilson soma 34 TD’s (melhor marca na carreira empatado com 2015 e 2017) e apenas 6 interceptações (melhor marca na carreira), com 66% de precisão (2ª melhor marca na carreira) e rating de 112.7 (melhor marca na carreira).

Na parte defensiva, créditos para o DE Dion Jordan, que não vem tendo uma temporada sensacional mas foi fundamental na vitória de ontem, com um sack no QB Patrick Mahomes e um fumble forçado e recuperado por Jarran Reed na linha de 20 jardas do ataque. O DE Frank Clarck também fez boa partida pressionando o QB. Além de Jordan, o CB Justin Coleman também forçou um fumble recuperado pelo S Delano Hill para dar fim ao 1º tempo.

Com a lesão do S Tedric Thompson, Hill e o DB Akeem King tiveram que entrar na partida e tiveram uma boa performance, assim como a secundária no geral, que cedeu uma ou outra big play como já era esperado, mas conseguiu fazer os ajustes necessários e foi bem no final da partida.

O SNF também marcou o retorno do LB KJ Wright, que passou a maior parte da temporada lesionado. Se saudável, sua presença será um fator marcante para a defesa nos playoffs.

 

Lesões

A linha ofensiva vem sendo o maior alvo de lesões nessa última semana. Após Simmons perder a temporada em lesão na semana 15, Ifedi ficou fora do SNF e DJ Flucker retornou, mas ainda sem condições ideais. Durante a partida, JR Sweezy teve um problema físico e não retornou para a partida. Em entrevista coletiva nesta segunda-feira (24), Carroll disse que o Guard tem problema no pé e talvez não esteja disponível para o último jogo. Peeny deve voltar durante a semana, enquanto Thompson será testado na quarta-feira.

Flucker, McDougald e Reed, que jogaram sem condições ideais, saíram da partida se sentindo bem, afirmou Carroll.

 

Playoffs

Com a vaga de wildcard garantida, Seattle joga contra o Arizona Cardinals na semana 17 para garantir a seed 5 da NFC. Caso consiga, os Seahawks enfrentarão o Dallas Cowboys, no Texas, na primeira rodada da pós-temporada. Caso fique com a seed 6, o confronto será contra o Chicago Bears, em Illinois.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: